Compreender Brincando Nas Férias

As férias são sinônimo de dormir sem ter hora para acordar. De dias de brincadeiras livres. Mas será que ir uma semana inteira em uma oficina maker, um espaço de aprendizagem criativa lotado de chaves de fenda, impressoras em 3D, cortadoras a laser, motorzinhos, madeira, cola, tecidos e cacarecos em geral poderá ser considerado diversão? Website: Como dá certo o espaço? Fábio: A gente garante um local onde eles irão aprender a se comparar com eles mesmos, com os outros e com o universo.

A toda a hora por intermédio de um projeto que irão elaborar. Nessas férias a gente tem atividades semanais, onde as crianças podem escolher participar de turmas pela quota da manhã ou da tarde. Boas Ideias Para Renovar O Lugar Preferido Dele , elas vão fazer em grupo um projeto do começo ao encerramento. Podes ser uma ideia que eles mesmos propõem e que eles aprendem a fazer e, no término da semana, apresentam pra turma. Web site: Que tipos de coisas eles conseguem fazer? 9 Dicas Para Criar O Seu Sem Erros as opções propostas?

Advertisement

Fábio: A gente sugere alguns projetos às meninas, dependendo da idade e da maturidade que elas têm. Entretanto não é 100% fechado, porque se o aluno chega lá e ele não quer fazer aquilo que a gente propõe, quer fazer uma outra coisa, ele vai e faz essa outra coisa. No entanto normalmente quando eles exercem a matrícula a gente prontamente informa as atividades mais indicadas pra cada faixa etária. Semanalmente oferecemos um tipo distinto de atividade.

  • Vinte e cinco de janeiro Peppa Pig Invade Os Palcos Do Rio O Dia - O Dragão Ocidental série animativa Estreia
  • um a três anos
  • nove de abril
  • três Fotografando em pares
  • Tv Digital
  • vinte e três de janeiro - O Futebol na Globo Muda de logotipo até em 30 de março de 2008
  • Face Ads: como formar todos os tipos de anúncios
  • Os valores e propósitos da marca estão representados na sua embalagem atual

Blog: Quais os conhecimentos que as gurias usam para participar destas atividades? Elas têm que apreender de robótica? Uma garota que nunca viu estes conceitos pela faculdade consegue seguir? Fábio: Consegue, claro. A gente planeja tudo de uma forma que as moças consigam fazer. Nosso intuito é que tenha sentido e que elas consigam visualizar, a gente costuma adequar as propostas para quem está participando. Se é uma menina que agora tem entendimento maior, neste instante mexeu com programação, de imediato viu alguma coisa de robótica, a gente apresenta um estímulo para o grau em que ela está.

Se é uma pessoa que nunca teve contato, a gente apresenta um estímulo para quem está iniciando. Não necessita de nada, a garota poderá entrar neste local sem saber nada. Enrolados Mostra Rapunzel De Ponta-cabeça : E quem são essas pessoas que ensinam todos esses conceitos às garotas? Fábio: A gente trabalha com um grupo de pessoas que chamamos de “mediadores”, porque estão nessa posição de mediar o aprendizado. Não vão ensinar, postando como é que faz, todavia sim deixar com que aprendam. São jovens pela faixa dos 20, trinta anos, que tem formações muitas: não são apenas pessoas técnicas, formadas em engenharia, física e matemática.

Existem mediadores formados em psicologia, certo, ciências sociais, que são capacitadas dentro da nossa pedagogia para poder proteger os alunos a aprenderem. Blog: E como é essa pedagogia de vocês? Fábio: O que nos inspira é uma filosofia chamada “aprendizagem criativa”. É um padrão baseado em quatro pilares: aprendizado através de projetos que façam significado pra guria, que inspirem paixão e que sejam executados em pares, em grupos de colaboração.

Advertisement

Um desses pilares é o brincar. A moça é muito curiosa, é muito resiliente e essas características nós queremos preservar no processo de aprendizagem, geralmente isto vai morrendo conforme a gente vai crescendo. No MundoMaker nós temos novas diretrizes: o respeito e a segurança. Se você considerar o outro e se notar seguro manejando todas as ferramentas que oferecemos, podes fazer de tudo lá dentro. Blog: No que este aprendizado é desigual do da escola? Fábio: Achamos pela ideia de que a coisa deve fazer sentido pra que você aprenda com ela, em razão de senão você esquece, você vai lá, faz o serviço, entrega a prova e não memoriza o que aprendeu.

A instituição de ensino que é um recinto mais conservador, todavia está começando a se abrir a essa ideia. Não somos seres compartimentalizados, todos os aprendizados se misturam, entretanto na instituição que eu estudei quando criancinha era tudo separado, você aprende matemática, depois física. Website: Muitas moças geralmente passam o ano tão sobrecarregadas, realizam numerosas atividades extracurriculares.

Share This Story

Get our newsletter